Além de estimular o aprendizado científico, os desafios das cartas de baralho criadas pela bióloga Nurit Bensusan despertam a conscientização socioambiental de crianças e adolescentes

Criados com a intenção principal de divertir a criançada de forma inteligente e instigante, os jogos biolúdicos são a aposta da bióloga e engenheira florestal Nurit Bensusan para popularizar a ciência e alertar os jovens sobre a importância do meio ambiente e dos processos biológicos. Neste sábado (21/4), das 16h às 18h, o público infantil terá a oportunidade de fazer novas amizades e botar em prática seus conhecimentos com os desafios das cartas que trazem temas biológicos na Livraria Cultura do shopping CasaPark, onde a novidade já é comercializada. A entrada é franca.

 “A ideia surgiu quando senti a carência de jogos diferentes no mercado ao procurar jogos para brincar com meu filho, hoje, com 8 anos. Como sou bióloga e sempre trabalhei com popularização da ciência, achei que seria interessante juntar essas duas coisas: desenvolver produtos de popularização da ciência para crianças e contribuir para aumentar a diversidade de jogos disponível”, conta Nurit, criadora dos jogos Bioquê? e Tsunami, que retratam a biodiversidade brasileira, o meio ambiente marinho e as relações biológicas entre os seres vivos.

Resgate da socialização na Era Digital

A psicóloga Keli Rodrigues avalia que, ao contrário dos jogos digitais, as atividades propostas pelos jogos biolúdicos trazem benefícios importantes para a formação de crianças e adolescentes. “Na interação social os estímulos gerados pelos jogos, são: o raciocínio rápido, lógica, elaboração de estratégias, entre outros, pois nele a criança constrói classificações, elabora seqüências lógicas, desenvolve o psicomotor, a afetividade e amplia conceitos das várias áreas da ciência (como no caso do jogo em questão, a biologia)”, explica.

Parque nacionais e biomas brasileiros serão temas dos próximos jogos  

Em parceria com o Museu de Ciência e Tecnologia da Puc do Rio Grande do Sul, a bióloga lançou seu terceiro jogo, o Biobrazuca, durante a 57ª Feira do Livro de Porto Alegre, em dezembro de 2011. Nele, a preservação de biomas brasileiros como o Cerrado, Caatinga, Amazônia e os Pampas é um dos temas abordados junto a um livro que explica a dinâmica do jogo e traz informações extras para deixar a brincadeira ainda mais divertida e interessante. “Ajudá-las a explorar essa curiosidade de forma lúdica pode significar ter, no futuro, pessoas mais conscientes sobre nosso impacto no planeta”, afirma Nurit.

Entre as próximas novidades da Biolúdica, estão desafios específicos para o Cerrado, um livro que mescla jogos de labirintos e informações acerca dos principais parques nacionais e um jogo de guerra imunológica. “O objetivo é sempre apresentarmos jogos muito instigantes onde a diversão é garantida, mas que ofereçam aprendizado também. Eu costumo dizer que a ideia é um pouco a do jogo War. Ninguém jogou o War para aprender geografia, mas todos nós sabemos onde fica Dudinka, Omsk e Vladivostok graças a ele”, brinca.

Sobre Nurit Bensusan

Bióloga e engenheira florestal, Nurit Bensusan (foto) é pós-graduada em História e Filosofia da Ciência pela Universidade Hebraica de Jerusalém, mestre em Ecologia e doutora em Educação pela Universidade de Brasília. É autora do blog Nosso Planeta, do jornal O Globo ( http://oglobo.globo.com/blogs/nossoplaneta ), uma de suas plataformas de popularização da ciência. Participa também do coletivo de ideias Biotrix ( www.biotrix.com.br ). Com diversos livros publicados, entre eles Biodiversidade: é para comer, vestir ou passar no cabelo e Meio Ambiente: e eu com isso? (editora Peirópolis), foi responsável pela área de biodiversidade e coordenadora de políticas públicas do WWF Brasil, coordenadora de biodiversidade no Instituto Socioambiental e coordenadora do núcleo de gestão do conhecimento do Instituto Internacional de Educação do Brasil.

Reportagem da TV Senado: http://www.senado.gov.br/noticias/tv/programaListaPadrao.asp?ind_click=0&txt_titulo_menu=Ecosenado&IND_ACESSO=S&IND_PROGRAMA=S&COD_PROGRAMA=1&COD_VIDEO=151906&ORDEM=0&QUERY=&pagina=1

Fotos: (crédito: divulgação) Gravação do programa Ecosenado: https://picasaweb.google.com/115569863266076228456/GravacaoDoEcoSenado?authuser=0&authkey=Gv1sRgCO_O26zbvaHnDw&feat=directlink

Oficina na Cultura com o Instituto Sagarana: https://picasaweb.google.com/115569863266076228456/OficinasNaLivrariaCultura?authuser=0&authkey=Gv1sRgCNDpk7Sw6pPSrgE&feat=directlink

Serviço: Oficina de jogos biolúdicos Data: 21 de abril Hora: das  16h às 18h Local: Livraria Cultura do shopping CasaPark ( Setor de Garagens e Concessionárias de Veículos Sul – SGCV Sul. Lote 22 ) Site Biolúdica: www.bioludica.com.br

Pontos de venda: Livraria Cultura do CasaPark e 102 Norte, bloco B, loja 56 (Brasília/DF) ou Museu de Ciência e Tecnologia da Puc do Rio Grande do Sul (Av. Ipiranga, 6681 – Prédio 40, bairro Partenon)

Assessoria de Imprensa (Biolúdica)
Clarice Gulyas (61) 8177 3832 / 8428 0719
claricegulyas@gmail.com

Anúncios