Bióloga brasiliense lança livro infantil em resposta ao verso homônimo de Pablo Neruda 

Já parou para pensar Quanto dura um rinoceronte? A bióloga Nurit Bensusan, sim.  E trouxe as respostas em um divertido livro infantil que revela os diversos tipos de animais da espécie e trata das dificuldades de preservação dos rinocerontes e seus habitats. Baseado no Livro das Perguntas, de Pablo Neruda, Quanto dura um rinoceronte? (editora Peirópolis)  será lançado nesse sábado (26/5), às 16h, no  Café Ernesto (115 sul).  A programação inclui um bate papo casual com a autora, oficinas de jogos com temas biológicos e aulas de yoga para a criançada. O evento é aberto à comunidade.

“Quanto dura um rinoceronte depois de ser enternecido?”. A curiosidade trazida em um dos versos do poeta chileno Pablo Neruda, aliada à vontade de escrever pela primeira vez para o público infantil, serviu de inspiração para o mais novo trabalho da bióloga Nurit Bensusan, também autora das obras Biodiversidade: é para comer, vestir ou passar no cabelo e Meio Ambiente: e eu com isso?, da mesma editora.

“Sempre quis escrever uma resposta ambiental para essa pergunta tão instigante.  Acho que as informações sobre o rinoceronte, como espécie ameaçada, são interessantes, mas há também um  convite à reflexão e um bom momento de contemplação da beleza das ilustrações feitas pela ilustradora Taisa Borges”, comenta Nurit, que também desenvolve jogos com temas biológicos como forma de popularizar a ciência e despertar a conscientização ambiental em crianças e adolescentes.

Nas 45 páginas ultra coloridas de Quanto dura um rinoceronte? as respostas em torno do que comove o rinoceronte contemplam informações sobre as cinco espécies que vivem ou já viveram na Terra. A solidão dos mamíferos e a caça predatória, principalmente com a comercialização ilegal dos chifres dos animais para o uso na medicina oriental são outros pontos tocados pela autora. “Muitos rinocerontes ainda morrem por causa do chifre. Ele é feito de pelos compactados e queratina, o mesmo material das nossas unhas. Será que ele é um remédio? Não sei, mas não parece bom para o rinoceronte”, diz um dos trechos do livro, que pode ser adquirido pelo site: www.editorapeiropolis.com.br

Oficina de jogos e aulas de yoga

Durante o lançamento do livro, o público infantil terá a oportunidade de fazer novas amizades e colocar em prática seus conhecimentos sobre o meio ambiente com os jogos da Biolúdica, criados por Nurit Bensusan.  Além de propor maior interação entre os jovens em plena era digital, os jogos Bioquê? e Tsunami ultrapassam a ideia de passatempos educativos e oferecem um entretenimento inteligente onde meninos e meninas a partir de 7 anos de idade entram em contato com o universo da ciência e superam desafios onde a regra principal é conhecer e preservar o meio ambiente.

Outra atração do evento serão as aulas de yoga voltadas para o público infantil, ministradas pela professora Dayse Rose. Segundo ela, a prática dos exercícios vai além dos benefícios físicos como a melhora da postura e da respiração, e contribui para a socialização das crianças. “Nós trabalhamos além da prática de ásanas (posturas), as relações interpessoais, abordando valores éticos e morais, como a verdade, a não violência, a autodisciplina, que leva a concentração; trabalhamos também a autoestima da criança, o respeito ao próximo”, diz Dayse.

Sobre Nurit Bensusan

Bióloga e engenheira florestal, é pós-graduada em História e Filosofia da Ciência pela Universidade Hebraica de Jerusalém, mestre em Ecologia e doutora em Educação pela Universidade de Brasília. É autora do blog Nosso Planeta, do jornal O Globo ( http://oglobo.globo.com/blogs/nossoplaneta ), uma de suas plataformas de popularização da ciência, e criadora da Biolúdica ( http://www.bioludica.com.br ), oficina de jogos com temas biológicos voltada para crianças e adolescentes.. Participa também do coletivo de ideias Biotrix ( www.biotrix.com.br ). Com diversos livros publicados, entre eles Biodiversidade: é para comer, vestir ou passar no cabelo e Meio Ambiente: e eu com isso? (editora Peirópolis), foi responsável pela área de biodiversidade e coordenadora de políticas públicas do WWF Brasil, coordenadora de biodiversidade no Instituto Socioambiental e coordenadora do núcleo de gestão do conhecimento do Instituto Internacional de Educação do Brasil.

Serviço:
Quanto dura um rinoceronte?

Data: 26 de maio
Hora: 16h
Local: Café Ernesto (115 Sul)
Ingresso: entrada franca
Informações: (61) 8177 3832
Site: www.bioludica.com.br

Anúncios