Para celebrar o sucesso dos primeiros jogos que tratam do meio ambiente, a Biolúdica realiza nesta quinta (6/12) festa aberta ao público com muita brincadeira e descontração

festa final de ano2

O trabalho de popularização da Ciência por meio de jogos infantis com temáticas biológicas, idealizado pela bióloga brasiliense Nurit Bensusan, rendeu diversos lançamentos e parcerias em 2012. E para comemorar o sucesso dos produtos desenvolvidos pela Biolúdica, a empresa realiza nesta quinta (6/12), às 19h, mais uma oficina de jogos durante festa comemorativa no café Objeto Encontrado, na 102 Norte. O evento celebra ainda o lançamento dos primeiros passatempos criados pela Biolúdica, os jogos Tsunami e Bioquê?, que há um ano foram lançados no mesmo local. A classificação é livre, com entrada franca.

Bioludica - credito - Vivi e Luiz FotografiaCom o objetivo de atender às necessidades de um nicho do mercado, a Biolúdica apostou em criações de jogos e livros infanto-juvenis voltados para a Ciência, que hoje somam quase uma dezena de produtos. Com destaque para o livro-jogo Rio + 20, lançado na abertura da Rio + 20, este ano, a Biolúdica também ganhou o público infantil com a obra recém-lançada Labirintos – Parques Nacionais, e o jogo PET (Protetores da Existência na Terra), o Desafio, que terá objetos personalizados, como mochilas e canecas, disponíveis para compra.

Para Nurit Bensusan, mestre em Ecologia e doutora emNurit_Bensusan-crédito-divulgação Educação, o saldo positivo atingido nesse ano também engloba a aquisição de diversos jogos por escolas particulares do Distrito Federal. “Os jogos são super bem aceitos e atendem ao desejo de um nicho de mercado que exige jogos mais instigantes, e não meramente reformulados como é o mais comum. Foi muito gratificante fazer oficinas durante o ano e poder estar em contato com as crianças, ver o quanto elas se divertem e aprendem sem se dar conta.”, afirma Nurit.

Cerrado irá virar jogo infantil

Sobre as próximas criações da Biolúdica, Nurit Bensusan antecipa o projeto de um livro-jogo que irá tratar do Cerrado de forma divertida, mas com o propósito de alertar sobre a importância do conhecimento e conservação do bioma brasileiro, onde está localizado o DF. “Esse projeto consiste em um livro-jogo de aproximadamente 60 páginas. A obra será dividida basicamente em duas partes: a primeira, onde o leitor é convidado a virar também escritor e ilustrador, completando o livro, e uma segunda parte que traz várias informações sobre o Cerrado, sempre fazendo referência à primeira parte do livro”, comenta a bióloga.

De acordo com Nurit, autora do livro “Meio Ambiente, E Eu Com Isso?“, o interesse de abordar o Cerrado parte da ameaça que o segundo maior bioma da América do Sul sofre no país. Segundo dados do Ministério do Meio Ambiente, o Cerrado abriga cerca de 11.627 espécies de plantas nativas, 199 espécies de mamíferos e 837 espécies de aves, dentre outras centenas de peixes, répteis e anfíbios. No entanto, é o bioma brasileiro mais ameaçado depois da Mata Atlântica, por sofrer as consequências de degradações, como a ocupação humana e o progressivo esgotamento dos recursos naturais.

“O Cerrado é um bioma com grande diversidade biológica e sociocultural, mas ainda assim é esquecido por muita gente. Isso é visível, por exemplo, quando se trata da expansão da fronteira agrícola, que, ao mesmo tempo em que se preocupa em não atingir as florestas, não vê nenhum problema em avançar sobre a vegetação do Cerrado. Nesse sentido, é importante fazer com que as crianças valorizem o Cerrado, mas para valorizar é fundamental conhecer. Muitas crianças, e adultos também, nem sabem que vivem, aqui em Brasília, no coração do Cerrado, nem que parte da paisagem que faz de Brasília uma cidade bonita, como a floração dos ipês, vem direto do Cerrado”, defende Nurit, que destaca ainda a ameaça das três mais importantes bacias hidrográficas do país (São Francisco, Tocantins-Amazonas e Paraná-Prata – as maiores responsáveis pelo abastecimento de água e geração de energia do Brasil) que nascem do Cerrado.

Serviço:
Jogos biolúdicos comemoram um ano de lançamento no DF
Data: 6 de dezembro de 2012
Hora: 19h Ingresso: entrada franca
Classificação: livre Local: café Objeto Encontrado, 102 Norte, bloco B, loja 56 Informações: www.bioludica.com.br

Assessoria de imprensa da Biolúdica
Clarice Gulyas (61) 8428 0719 / 8177 3832
gulyascomunicacao@gmail.com / claricegulyas@gmail.com

Anúncios